Perfeição

(Paul Hodel)

A perfeição é a sua cara
Mas não temos medo
Esperteza não é tudo

Seu cansaço anda ao meu lado
E quase sempre me convence
Que não fazemos o bastante

As vezes o fraco enfraquece
É obvio agente se esquece
As vezes o que se perdeu
É o que ainda não está perdido

O progresso não nos deixa atalhos.
E o futuro encontra fila.
O tempo enferruja os sonhos.
E o que falta é coragem? Será?

A razão se rendeu ao absurdo
E sem tentar olhar para trás
Se arrasta lenta e sem vontade

A verdade só encontra um lado
E insiste em nos dizer
Mas nem sempre é o bastante